Sociedade civil católica, destinada à difusão da Cultura Ocidental e à atuação política em defesa da família, em observância à Doutrina Social da Igreja.

Vida do Papa Santo Higino

Johann Peter Kirsch, Enciclopédia Católica

Reinou por volta de 138 a 142 d.C.; sucedeu o Papa Telésforo, que, segundo Eusébio (História Eclesiástica IV.15 ), morreu durante o primeiro ano do reinado do Imperador Antonino Pio em 138 ou 139, portanto. Porém, a cronologia desses bispos de Roma não pode ser determinada com nenhum grau de exatidão com a ajuda das autoridades à nossa disposição hoje. Segundo o “Liber Pontificalis” , Higino era grego de nascimento. A declaração adicional de que ele foi anteriormente um filósofo provavelmente se baseia na semelhança de seu nome com o de dois autores latinos. Irineu diz (Contra Heresias III.3) que o gnóstico Valentino veio a Roma no tempo de Higino, permanecendo lá até que Aniceto se tornasse pontífice. Cerdo, outro gnóstico e predecessor de Marcião, também viveu em Roma no reinado de Higino; ao confessar seus erros e retratar-se, ele conseguiu obter a readmissão no seio da Igreja, mas por fim caiu nas heresias e foi expulso dela. Não se sabe quantos desses eventos ocorreram durante a época de Higino. O “Liber Pontificalis” também relata que este papa organizou a hierarquia e estabeleceu a ordem de precedência eclesiástica (Hic clerum composuit et distribuit gradus). Esta observação geral é recorrente também na biografia do Papa Hormisdas; não tem valor histórico e, de acordo com Duchesne, o escritor provavelmente se referiu às ordens inferiores do clero. Eusébio (História Eclesiástica IV.16) afirma que o pontificado de Higino durou quatro anos. As autoridades antigas não contêm nenhuma informação sobre ele ter morrido como mártir. Quando faleceu, foi enterrado na Colina do Vaticano, perto do túmulo de São Pedro. Sua festa é celebrada em 11 de janeiro.

Bibliografia:

DUCHESNE, (ed.) Liber Pontificalis, I, 131; Acta Ss., I de janeiro, 665; HARNACK, Geschichte der altchristl. Literatur, II: Die Chronologie, I (Leipzig, 1897), 144 sq.

Fonte:

Kirsch, Johann Peter. “Pope St. Hyginus.” The Catholic Encyclopedia. Vol. 7. Nova York: Robert Appleton Company, 1910. 10 de janeiro de 2021 <http://www.newadvent.org/cathen/07593a.htm>.

Traduzido por Leonardo Brum.

[Segue abaixo oração ao santo, por ocasião de sua festa, a 11 de janeiro, extraída do Missale Romanum, Ed. Vozes, 1943]

OREMOS

Deus onipotente, lançai os olhos para a nossa fraqueza, e proteja-nos com sua gloriosa intercessão o bem-aventurado Higino, vosso Pontífice e Mártir, porque gememos debaixo do peso de nossas culpas. Por Nosso Senhor Jesus Cristo.

Boletim informativo do IJF
Receba, gratuitamente, no seu e-mail, nossas atualizações semanais.
Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento.