Sociedade civil católica, destinada à difusão da Cultura Ocidental e à atuação política em defesa da família, em observância à Doutrina Social da Igreja.

Vigésimo Segundo Domingo depois de Pentecostes

D. Crisóstomo d’Aguiar

Devemos penetrar-nos, neste domingo, do pensamento do “dia do Senhor”, do fim do mundo que se vem aproximando. Confiemos na misericórdia divina (Introito e Secreta), apesar de, por nossas faltas, devermos sempre dizer com o Salmista: “A considerar o Senhor as nossas iniquidades, quem poderá subsistir diante de sua face?”. Sejamos, de nosso lado, misericordiosos para com os nossos irmãos, já que o nosso Modelo, tão amiúde nos inculca, por suas palavras e exemplos, a que o sejamos. “Que bom e doce não é andarem unidos irmãos entre si” (Gradual)!

Quando nos virmos em perigo, façamos nossas as preces que a Igreja nos põe nos lábios, preces que Deus decerto atenderá, como o rei Assuero atendeu nas que lhe dirigiu sua esposa Ester (Ofertório).

Cresçam em nós, sempre o amor e a caridade para com nosso próximo, um amor e caridade cheios de inteligência e de luz, porque só assim poderemos rebater as ciladas e ataques sempre terríveis do inimigo de nossas almas (Evangelho).

Leiamos a cena de um dos últimos dias da vida de Jesus, em que o Mestre divino confunde as manhas dos seus inimigos com uma resposta cheia de sobrenatural sabedoria. À pergunta hábil que lhe endereçam, para o confundir, diz Jesus: “De quem é a imagem e inscrição?” “De César”, lhe disseram eles. “Dai, pois, a César, o que é de César, e a Deus, o que é de Deus”; porque se o homem, como tal deve prestar à autoridade o tributo de homenagem que lhe é devido, a alma humana, feita à imagem do seu Criador, a este deve o tributo da sua adoração e da sua obediência, a homenagem do seu amor.

Assim é que nos prepararemos melhor para o dia de Cristo, o dia do Juízo. Para que assim seja, roguemos a Deus (Oração) que seja sempre o nosso amparo e a nossa força, e nos auxilie no cumprimento do dever.


[Segue abaixo o texto do próprio da Missa do Vigésimo Segundo Domingo depois de Pentecostes]

Boletim informativo do IJF
Receba, gratuitamente, no seu e-mail, nossas atualizações semanais.
Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento.